TEMOS PAZ COM DEUS


“ Justificado, pois, mediante a fé, temos paz com Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.” Romanos 5:1

A paz do Senhor irmão, a paz de Cristo, Graça e Paz, a paz de Deus. São jargões como esses que têm sido a marca de muitos cristãos que os  usam como forma de saudações religiosas.

Conta-se que no interior do amazonas,  que um simples irmão que não estava acostumado com esse tipo de saudação, foi  abordado por uma irmã: “A paz do Senhor irmão!” No que ele respondeu prontamente: “A paz da senhora, também, irmã!”

Além de ser uma bela saudação cristã, ela inclui um profundo desejo de que a paz do Senhor, seja a marca do relacionamento de cada cristão. Era essa a forma de saudação usada pela  igreja primitiva, e tem permanecido até nossos dias. Sempre no inicio das cartas paulinas nós vemos essa saudação cristã.

Creio ser um desejo de cada pessoa  ter  paz, tranquilidade em sua vida, não obstante, o profeta Isaías dizer que para os perversos não há paz. Isaías 57:21

       As nações falam de paz, anseiam  por ela, procuram a sua maneira, promover a paz. No campo verbal, essa paz é disseminada na retórica humana. É por isso que o apóstolo Paulo nos adverte sobre o perigo que virá quando, na universalização do discurso da paz, virá juízo que será derramado sobre a terra. “Quando disserem: “Paz e segurança”, então, de repente, a destruição virá sobre eles, como dores à mulher grávida; e de modo nenhum escaparão.” 1 Tessalonicenses 5:3

      A paz que muitos homens falam e desejam é a ausência de guerra, de conflitos, mas há uma paz verdadeira que está além do discurso humano, que acontece no seu interior, na alma do homem, sobretudo àqueles que estando distante de Deus, se reconciliam com Ele, arrependendo-se de seus pecados, fazendo a paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.. “Justificado, pois, mediante a fé, temos paz com Deus, por meio nosso Senhor Jesus Cristo.” Romanos 5:1

       É sobre a paz de Cristo, que veio até nós, trazida pelo sua presença gloriosa, consolidada pelo seu sacrifício na cruz, e atestada pela sua bendita palavra, e prometida a todos os creem, que quero falar nessa mensagem.

 DEFINIÇÕES DA PAZ DE CRISTO

 “A palavra paz, que idêntica à palavra hebraica Shalom, geralmente indica todas as formas de Bênçãos, que especialmente indique harmonia e unidade, bem como o vínculo de tal unidade. A derivação mais provável do termo grego, “eirene”, é de eiro, que significa: amarro, e ‘en”, que significa: um – Porquanto, a paz une e amarra aqueles que estavam em discórdia, que antes andavam desunidos.” Dr Champlin

“O pecado é a fonte originária de toda a discórdia e o conflito entre o homem e Deus, e entre o homem e seus semelhantes; pelo que também não pode haver a paz enquanto essa maldição não for removida. Toda e outra qualquer paz é apenas um sonho e uma ilusão. Quando estamos em paz com Deus, então estamos em paz conosco mesmos e com o próximo.” Philip Schaff

‘O pecado produz discórdia. A provisão de Cristo remove a discórdia. ’

 A PAZ DE CRISTO E SEUS SIGNIFICADOS PROFUNDOS

 Para o Dr. R. Champlin a palavra paz, nas Sagradas Escrituras, tem vários significados, sempre envolvendo bênçãos para os homens.

 1. A universalidade da paz de Cristo. O trecho de Colossenses 1:20 mostra-nos a universalidade da paz que Cristo nos trouxe. Ela (paz) acalma o conflito universal, o qual envolve os céus, e a terra. “…e por meio dele reconciliasse consigo todas as coisas, tanto as que estão na terra quanto as que estão no céu, estabelecendo a paz pelo seu sangue derramado na cruz.” Portanto, devemos desfrutar do gozo desta paz deixada por Deus Pai.

2. Significa que Jesus é o autor e preservador da paz. “Pois ele é a nossa paz, o qual de ambos fez um e destruiu a barreira, o muro de inimizade.” Efésios 2:14

3. Significa que Jesus veio evangelizar a paz, quebrando todas as resistências opostas tanto de Judeus e Gentios, homens e mulheres, classes sociais e etc. “Ele veio e anunciou paz a vocês que estavam longe e paz aos que estavam perto…” Efésios 2:17

4. Paz, pública e particular, na aceitação geral da palavra, subentendendo reconciliação e amizade. E o apóstolo parece aludir à etimologia da palavra, no trecho de Efésios 4:3 “Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.”

5. Significa boa ordem.Pois Deus não é Deus de desordem, mas de paz. Como em todas as congregações dos santos.” 1 Coríntios 14:33

6. Significa o esforço que busca preservar a paz e a concórdia. Mt 10:34; Lc 12:51; At 7:26; Rm 14:17 “Pois o Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, paz e alegria no Espírito Santo.” A paz promovida por Cristo não admite contenção, discórdia, mas inculca a paz. E o trecho de I Cor 7:15 diz que Deus tem nos chamado à paz, isto é, devemos esforça-nos por preservar a tranquilidade e a concórdia. “Todavia, se o descrente separar-se, que se separe. Em tais casos, o irmão ou a irmã não fica debaixo de servidão; Deus nos chamou para vivermos em paz.”  E em Hebreus 12:14 diz: “Esforcem-se para viver em paz com todos e para serem santos; sem santidade ninguém verá o Senhor.”

7. Paz no sentido absoluta da palavra: Mental, corporal e espiritual, ou corpo, alma e espírito. Sobretudo, a paz experimentada pelo os crêem em Deus. Lucas 1:79; 19:42; “Que o próprio Deus da paz os santifique inteiramente. Que todo o espírito, alma e corpo de vocês seja conservado irrepreensível na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” 1 Tessalonicenses 5:23

8. Significa, também, benignidade, benevolência e favor. “ Justificado, pois, mediante a fé, temos paz com Deus, por meio nosso Senhor Jesus Cristo.” Rm 5:1 Em consequência de nossos pecados terem sido perdoados, o que nos dar claro senso do favor divino.

   Justificação significa: “Declarar justo.” Em Cristo somos justificados, ou seja, declarados justos, e recebemos como dádiva dessa justificação a paz com Deus, passando a nutrir um relacionamento filial. Deus é nosso Pai, provou seu amor por nós, nos dando o seu único filho para morrer pelos nossos pecados. Rm 5:8.

 JESUS PROMETE A SUA PAZ PARA TODOS OS HOMENS

Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.” Isaías 9:6

  • A paz prometida por Jesus era diferente da paz que o mundo dava. “Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo.” João 14:27
  • A paz de Jesus deveria ser oferecida por onde quer que o cristão passasse, mas essa paz poderia não ser recebida por todos. “Quando entrarem numa casa, digam primeiro: ‘Paz a esta casa’. Se houver ali um homem de paz, a paz de vocês repousará sobre ele; se não, ela voltará para vocês.” Lucas 10:5-6
  • A paz  prometida por Jesus estaria conosco, sobretudo nos momentos mais difíceis, quando as aflições nos assolariam. “Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo”. João 16:33
  • A paz de Cristo deveria ser cultivada em relacionamento de amor e afeto fraternais, a fim de que Deus continuasse com sua presença em nosso meio. “Sem mais, irmãos, despeço-me de vocês! Procurem aperfeiçoar-se, exortem-se mutuamente, tenham um só pensamento, vivam em paz. E o Deus de amor e paz estará com vocês.” 2 Coríntios 13:11
  • A paz de Cristo que foi prometida a todos os homens, foi testificada através da aliança eterna de sangue. O sangue do Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. O grande pastor de nossas almas. “O Deus da paz, que pelo sangue da aliança eterna trouxe de volta dentre os mortos a nosso Senhor Jesus, o grande Pastor das ovelhas.” Hebreus 13:20
  • A paz de Cristo foi prometida a todos os homens que tivessem um propósito firme e em tudo confiasse em Deus. Tu guardarás em perfeita paz aquele cujo propósito está firme, porque em ti confia.”Isaías 26:3
  • A paz de Cristo foi prometida a todos os homens que amaria a palavra de Deus. “Os que amam a tua lei desfrutam paz, e nada há que os faça tropeçar.” Salmos 119:165
  • A paz prometida por Deus que veio através de Cristo excederia todo entendimento e racionalidade humana. Como bem explicitou Paulo em sua carta aos Filipenses. “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.” Filipenses 4:7 É a bênção indizível do senso do favor divino.
  • A paz prometida por Deus é perene e plena e estaria conosco em todo tempo e em todas as circunstâncias. “ Ora, o Senhor da paz, ele mesmo, vos dê continuamente a paz, em todas as circunstâncias. O Senhor seja com todos vós.” II Tes 3:16

 

        A paz de Cristo deve ser cultivada através de um profundo relacionamento de dependência diária com Deus, através da oração, da leitura Bíblica, do temor de Deus, nas múltiplas relações sociais ou espirituais.

        Em nossa conduta diária devemos sempre levar a paz de Cristo, exalando a paz do Senhor, onde quer possamos estar.

    Meu irmão, minha irmã você já fez as pazes com Deus, mediante o arrependimento e a fé em Cristo Jesus?

       Você pode dizer como Paulo falou aos Romanos? “O Deus da paz seja com todos vocês. Amém.” Romanos 15:33

                                                                         Pr Francisco Nascimento

Anúncios

5 comentários sobre “TEMOS PAZ COM DEUS

  1. Primeiro gostaria de agradecer a Deus pai todo poderoso por ter feito a minha pessoa. E por nos ter dado sempre misericordia porq finalmente sem ele eu, tu, ele, nós, vós ñ existiriamos. Bjs para todo aqueles q acreditam nele.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s