CARREGANDO A CRUZ DE OUTREM


CARREGANDO A CRUZ DE OUTREM

iMAGEM CARREGANDO A CRUZ

E  obrigaram a Simão Cirineu que passava, vindo do campo, pai de Alexandre e de Rufo, a carregar-lhe a cruz.” Lucas 23:26

Simão Cirineu vinha do campo, de seu trabalho, estava exausto, vendo aquela aglomeração, como muitos dos curiosos que ali se encontravam, achegando-se, deparou com um quadro triste, estarrecedor: Jesus, cercado de algozes caminhava cambaleante para a morte, as forças já lhe faltavam sob enorme peso da cruz.

Antes mesmo que pudesse optar entre ajudar a Jesus ou não, ele foi obrigado a carregar a cruz, dividindo com Jesus, aquele enorme peso.

Qual é nossa atitude quando sabemos de alguém que cambaleante carrega uma enorme cruz?

Ou mesmo quando contemplamos esse alguém sob o peso de sua cruz?

Saiba meu irmão que a sua atitude, a minha atitude neste momento vai denotar a natureza de nosso caráter. Divino? Maligno?

Por certo muitas seriam as divagações, as justificativas para esta ou aquela atitude:

“Bem, se ele esta carregando essa cruz é porque merece.” (Os insensíveis para com as fraquezas alheias)

“É um molenga, esta fazendo corpo mole, procurou, achou.” (Os justiceiros),

“Quer que os outros sintam pena dele.” (Os perfeccionistas, acham que nunca erram).

“ Eu não tenho nada a ver com essa situação , cada um que cuide de si mesmo.” (Os omissos e indiferentes para com os sofrimentos alheios).

Ninguém o ajuda? (Os que esperam sempre pelo o outro)

Vou ajudar, ele precisa de mim. (Os comprometidos com o amor a Deus e ao próximo).

É na necessidade, na tentação, na tribulação, na luta, na cruz pesada que o outro carregue que nossa ação ou reação revela o caráter que o fruto do amor de Cristo produziu em nós.

O amor pelo irmão, pelo próximo é um dos mais destacados apelos que Jesus já nos fez em sua Palavra.

“ Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros.  Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos: se tiverdes amor uns aos outros.” João 13:34,35

Esse amor deve ser de tamanha intensidade que possamos de coração, cumprir o imperativo de Gálatas 6:2 “ levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo.”

Simão Cirineu, não obstante, ser obrigado a carregar a cruz de Cristo, desfrutou do melhor esforço que fizera em sua vida, teve uma experiência pessoal com Cristo sofredor, converteu-se e ensinou a família o valor e a honra de contribuir com a obra de Cristo.

Um de seus filhos é  citado em Romanos, como um excelente obreiro e fiel ajudador, carregando a cruz de outro: a de Paulo.

Saudai Rufo, eleito no Senhor, e igualmente a sua mãe, que também tem sido mãe para mim.” Romanos 16:13

Pr Francisco Nascimento

3 comentários sobre “CARREGANDO A CRUZ DE OUTREM

  1. Mais uma vez eu me alegro em ver Cristão comprometidos com o ebangelho de Cristo. Jesus está voltando e precisamos estar prontos para encontra-lo… Pena que muitos ainda brincam com volta de Jesus.
    Parabéns por seu trabalho….assim que possa espero por sua visita em meu blog ou em minha pagina do orkut….sei que tenho muito a aprender contigo.

    Grça e paz

    Missionária Cleusa S. Klein

  2. è bom saber que alguem usa da net para de alguma forma evangelizar….,que bom caro amigo fico feliz por seu trabalho fale de Jesus o quanto poder muitos precisam ouvir muitos precisa de vc….obrigada.
    katia missionaria fonte de vida.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s