CONSERVANDO OS VERDADEIROS VALORES


CONSERVANDO OS VERDADEIROS VALORES

“Venho sem demora. Conserva o que tens para que ninguém tome a tua coroa.” Apocalipse 3:11


A Bíblia ensina que Jesus voltará. Esta volta deveria interessar a todas as pessoas. Quando Jesus voltará? E como? E o que acontecerá, quando Cristo voltar? Estas perguntas têm respostas simples na Bíblia, mas tornaram-se complicadas e confusas por causa do acréscimo de especulações e doutrinas humanas.

Quando?

“Mas a respeito daquele dia e hora, ninguém sabe nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão o Pai. Pois assim como foi nos dias de Noé, também será a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como nos dias anteriores ao dilúvio, comiam e bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, e não o perceberam, senão quando veio o dilúvio e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem” (Mateus 24:36-39).

Sempre temos que permanecer preparados para a volta do Senhor, (Mateus 24:42-44) pois não sabemos quando o ladrão pode chegar, assim, temos que manter nossas casas sempre fechadas e sempre viver fielmente. A natureza imprevista da volta do Senhor significa que é impossível olhar em volta buscando sinais, numa tentativa de calcular  uma data aproximada. Ninguém tem qualquer idéia de quando o Senhor pode voltar. Que possamos estar sempre prontos!

Como?

“Porquanto o Senhor mesmo, dada a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor” (1 Tessalonicenses 4:16-17).

O Quê?

Os mortos em Cristo ressurgirão primeiro na sua volta. João 5:28-29 Será a primeira ressurreição, a segunda que é a ressurreição do juízo (dos que não confessaram a Jesus como Salvador) acontecerá mil anos depois. Ap20:6 Jesus disse que todos os mortos (os justos e os ímpios) ouvirão sua voz, e sairão de suas tumbas. 1 Coríntios 15:50-55 Aqueles que ainda estiverem vivos, no retorno de Cristo, serão transformados de modo que possam herdar o reino de Deus, com corpos glorificados e incorruptíveis.

Quando Cristo retornar, ele levará todos os homens para encontrá-lo no julgamento. Mateus 25:31-46 descreve o julgamento, minuciosamente. Aqui, Jesus disse que isso acontecerá quando ele voltar (v. 31). Paulo, também, falou do julgamento que acontecerá, na volta de Cristo. (2 Tessalonicenses 1:7-10).

Quando Cristo voltar, ele devolverá o reino a Deus. (1 Coríntios 15:23-26). Cristo está reinando agora. Ele reinará até que o último inimigo seja destruído. O último inimigo a ser derrotado é a morte. Cristo destrói a morte pela ressurreição. Portanto, quando Cristo voltar e levantar todos os homens, ele estará destruindo o último inimigo e entregará, então, o reino ao Pai, para que ele reine eternamente.

Cristo voltará visível, em tempo inesperado e desconhecido. Quando ele voltar: Os mortos serão ressuscitados.  Os viventes serão transformados.  A terra será atingida pelo juízo. II Pd 3:10-13 Todos os homens serão julgados.  O reino será devolvido ao Pai.

VALORES A SEREM CONSERVADOS

Da igreja de Efésios: Obras. Labor. Perseverança. Sinceridade. Discernimento. Firmeza.

Da igreja de Esmirna: Rica em virtude. Firmeza em meio à tribulação. Mesmo em face as blasfêmia mantinha-se fiel.

Da igreja de Pérgamo: Conservando o testemunho e não negando a Jesus mesmo em face da prova.

Da igreja de Tiatira: Amor. Serviço. Fé. Perseverança. Rejeitando as profecias falsas de Jezabel.

Da igreja de Sardes ( Quase nenhuma virtude ) Poucas foram as pessoas que não contaminaram suas vestiduras.

Da igreja de Filadélfia. Guardava a palavra de perseverança e não negava o nome de Jesus.

Da igreja de Laodicéia: Não tinha virtude. Era morna.

Da igreja do Brasil.   “ Conheço as tuas obras…” Somos corpo, membros uns dos outros. O que fazemos ou que deixamos de  fazer reflete no reino espiritual ao nosso favor ou contra, nisto ninguém ficará isento.

‘Conserva o que tens’: O que temos de mais precioso para guardarmos?

Valores eternos: A salvação de nossas almas. ( Não se troca, não se aluga, não se vende )

Valores Morais: Integridade; sinceridade; honestidade; transparência; testemunho de vida; verdade.

Valores espirituais: Amor; paz; alegria; reconciliação; perseverança.

AS COROAS DO CRISTÃO

A coroa era uma peça usada na cabeça, geralmente muito adornada, usada por monarcas e outras pessoas importantes. No antigo Testamento, temos a coroa do Sumo Sacerdote, feita de uma placa de ouro com as palavras escritas: ‘Santidade ao Senhor’. Essa placa era presa à mitra ou ao turbante por um cordão azul, que simbolizava a consagração. ( Ex 19:6; 39:30 )

Também as coroas reais eram outorgadas  como indicação de que o ofício monárquico era ocupado por decreto divino ( Sl 21:3 ). A coroa simbolizava a glória ( Jó 31:36; Is 28:1,3 ). Essas coroas eram fabricadas de vários  metais, e, com freqüência eram decoradas, algumas vezes até com pedras preciosas. ( II Sm 12:30 ) .

Tipologicamente a coroa significa galardões, recompensas  e prêmios para os crentes dado no seu julgamento. II Cor 5:10

Os quatros  tipos  de coroas na vida do crente:

1. A coroa incorruptível. (I Cor 9:25) Essa aponta para a vida eterna e tudo quanto nela está envolvida, incluindo suas vantagens e perfeições, dadas em recompensa pelo serviço fiel dos crentes.

2. A coroa da Justiça (II Tm 4:8) Isso indica aquela coroa conquistada pela retidão, mas também indica a obtenção da retidão perfeita e eterna, em que o crente passa a participar das perfeições de Cristo e da natureza moral de Deus Pai ( Mt 5:48 ). E isso envolve ser santo como Deus Pai é santo.

3. A coroa da vida ( Tia 1:12 ) A vida eterna está em foco aqui, com todo o avanço na direção da natureza de Cristo. Pois a vida eterna não consiste apenas de existência interminável. Antes trata-se de uma modalidade de vida. II Pd 1:4; Ef 3:19

4. A coroa da glória (I Pd 5:4) A vida nos lugares celestiais consistirá da participação na glorificação de Cristo ( Rm 8:29,30 ), e os crentes, dependendo de sua lealdade e desenvolvimento espiritual, receberão graus variegados de glória, compartilhando da glória, da majestade, do poder, dos atributos e da natureza de Cristo em maior ou menor glória.

As coroas podem ser perdidas: Não podemos depender da fidelidade anterior como garantia do recebimento dos galardões. Teremos  de  perseverar  até  o  fim  na  atitude de dedicação a Cristo (Ap 3:11). Toda a coroa, mesmo depois de conquistada, pode ser perdida, enquanto estivermos neste mundo à passagem de II João 8 concorda com esse princípio.

Você tem se preparado para a volta de Jesus?

Pr Francisco Nascimento

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s