DÁ-ME FILHOS SENÃO MORREREI


DÁ-ME FILHOS, SENÃO MORREREI

filhos2

“ Vendo Raquel que não dava filhos a Jacó, teve ciúmes de sua irmã, e disse a Jacó. Dá-me filhos, senão morrerei”

Gênesis 30:1

Esse foi o grito de angústia e desespero de Raquel para com Jacó seu marido: “Dá-me filhos, senão morrerei.”

Gerar filhos, no passado como hoje, é sinal de bênção e prosperidade divina.

A esterilidade na Bíblia sempre foi sinônimo de pecado e maldição. II Sm 6:20-23

A figueira amaldiçoada por Jesus é um exemplo  da severidade com que o Senhor Deus trata esse assunto. Mt 21:18-22; Mc 11:12-14;20-26

Na parábola da videira verdadeira, há uma exortação contundente aos discípulos de Jesus: “ Todo ramo que, estando em mim não der fruto, Ele o corta; e todo o que dá fruto, limpa, para que produza mais frutos ainda.” Jo 15:2

O ministério profético da igreja é proclamar a palavra de Deus, a única verdade que salva e liberta, cura, consola, que endireita, nivela, retifica, aplaina as vidas, e que manifesta a glória de Deus; a fim de que todo homem resplandeça à imagem e a semelhança do Deus vivo e verdadeiro. Is 40: 1-3

Para que essa glória resplandeça, urgem a necessidade de produzirmos frutos espirituais, frutos de arrependimentos, de salvação, de vidas no altar de Deus.

Somos chamados, eu, você, e toda a igreja do Senhor Jesus a produzirmos frutos para Deus, filhos na fé. Para tanto, precisamos pregar o evangelho sempre, mais e mais “ Prega a Palavra, insta quer seja oportuno, quer não, corrige, repreende, exorta com toda a longanimidade e doutrina, pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres, como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos a verdade, entregando-se a fábulas…” II Tm 4:1-4 Paulo disse: “ …” porque ai de mim se não pregar o evangelho!” I Cor 9:16

O mundo espera a manifestação dos filhos de Deus. Rm 8:19; a igreja precisa despertar do sono ( Ef 5:14 ). O clamor do mundo é por salvação. Muitos  estão perecendo e  indo para o inferno.

Nós somos a geração da igreja peregrina que está caminhando nesta terra, é em nós que pesa essa responsabilidade. João Batista morreu, Pedro morreu,  o grande Paulo apóstolo também morreu; esse é o nosso tempo, nossa geração, o tempo de gritarmos “DÁ-ME FILHOS, SENÃO MORREREI!!!”

Quem ganha alma é sábio. Pv 11:30  “Os que forem sábios, pois, resplandecerão, como o fulgor do firmamento; e os que muitos conduzirem à justiça, como as estrelas sempre e eternamente.” Dn 12:3  “Sabei que aquele que converte o pecador do seu caminho errado, salvará da morte a alma dele e cobrirá multidão de pecados”. Tia 5:20

“ Dá-me filhos, senão morrerei.” Esse é o grito de angústia e desespero, que está faltando na vida de muitos em nossas igrejas. Pastores amados, gritem  e ensinem a igreja a clamar: “ Dá-nos filhos, senão morrerei.”

A nossa sobrevivência está em produzirmos frutos para Deus. O mundo só conhecerá a salvação de Deus se a igreja pregar a Palavra da vida eterna.

A SEARA ESTÁ MADURA VAMOS A COLHEITA!!!

Pastor Francisco Nascimento

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s