CULTURA E COSTUMES ORIENTAIS I


CULTURA E COSTUMES ORIENTAIS I

23sandalias_novotestamento1

VOCÊ SABIA…

Que a Bíblia foi escrita por orientais e nela está contido muito de sua cultura (modo de viver – costumes) que muitas vezes diferem dos ocidentais do qual fazemos parte?

Vejamos um pouco da cultura desse povo do oriente nos tempos Bíblicos para conhecermos mais sobre eles. Principalmente sobre Israel, o povo escolhido por Deus.

· Para o oriental da época Bíblica as sandálias eram o calçado mais utilizado. Elas consistiam em um pedaço de couro do tamanho do pé com tiras também de couro que passavam entre o dedo grande e o segundo dedo, amarrada em torno do tornozelo, elas mantinham os pés livres e arejados, mas não os protegiam contra a poeira.

· No sentido religioso as sandálias expressavam pecado, porque sempre ao entrar em lugar sagrado era obrigado tirar as sandálias. (Ex. 3:5).

· Antes de entrar nas casas as sandálias eram deixadas de fora, como forma preventiva de doenças provindas das ruas.

· Era função do servo de grau: mais baixo tirar as sandálias dos visitantes e lavar-lhes os pés.

· Jesus querendo ensinar os seus discípulos o verdadeiro sentido de humanidade e humilhação, tirou-lhes as sandálias e lavou-lhes os pés. Incitou-os a fazer o mesmo com o próximo. (João. 13).

VOCÊ SABIA…

Que nos tempos Bíblicos para confirmar qualquer negócio de compra ou permuta, o homem descalçava o sapato e dava ao seu próximo como forma de testemunho da negociação concluída? Rute 4:7.

VOCÊ SABIA…

Que não obstante, as rígidas leis judaicas relativas à não trabalhar no sábado, lhes era permitido salvar certas peças de roupas de casa, em caso de incêndio, que por ventura ocorresse no sábado?

· A lista incluía roupas íntimas, meias e calções; a maioria das pessoas possuía poucas roupas, que precisavam durar bastante, por isso, lavavam-nas com sabão de óleo de oliva.

VOCÊ SABIA…

Que o oriental, encarava a morte, como uma grande tragédia?

· O ato fúnebre era marcado de grande emoção e os familiares e amigos entregavam-se a grande demonstração de choro e lamentação: gemiam, choravam, vestiam luto, pano de saco, cobriam a cabeça de cinzas, batiam no peito, rasgavam as vestes, raspavam a barba. E para aumentar a dramaticidade do luto, contratavam choradores profissionais. O enterro era feito no mesmo dia devido o calor causticante.

· O luto durava sete dias; mas para pessoas importantes o luto ia até 70 dias como foi o de Jacó e 30 dias o de Moisés.

· O luto era acompanhado de jejum e interrompido por uma festa fúnebre, muitas vezes celebrada junto ao túmulo.

VOCÊ SABIA…

Que a criança recém-nascida nos tempos Bíblicos era lavada e friccionada com sal e depois envolvida em fraldas?

· Acreditava-se que essa prática fortalecia a pele da criança.

· A mãe ou uma ajudante colocava a criança num pano quadrado, depois dobrava os cantos sobre os lados e os pés da criança; e enrolavam faixas ao redor de todo o corpo para manter os braços retos e presos.

· Várias vezes por dia as faixas eram soltas para massagear a pele com azeite de oliva e aplicar-lhe pó de folhas de murta. Esta operação continuava por vários meses. Normalmente as crianças eram amamentadas ao seio materno por dois ou três anos.

· A taxa de mortalidade infantil era muito alta por causa das más condições sanitárias de muitas casas.

· No Antigo Testamento o recém-nascido recebia o nome quando nascia.

· O nome sempre tinha um significado. Podia dizer algo sobre o modo como a criança nasceu, sobre o seu temperamento, ou sobre os sentimentos alimentados pela família em relação a Deus. Exemplo:

* A mulher de Jacó, Raquel, que por longos anos havia esperado o seu primogênito, chamou-o José, que significa “Que o Senhor acrescente outros filhos”

* Elias, quer dizer: “O Senhor é Deus”.

* Isaías = “Deus é salvação”.

* Samuel = “Do Senhor o pedi”.

* Jesus significa: “Aquele que salva ou o Salvador”.

VOCÊ SABIA…

Que na época do Novo Testamento o recém-nascido, do sexo masculino só recebia nome no oitavo dia após o nascimento? Também no oitavo dia ele era circuncidado.

· Entre outros povos os meninos eram circuncidados quando eram reconhecidos como membros adultos do clã. Mas, desde Abraão Deus tinha feito da circuncisão, no oitavo dia depois do nascimento, o sinal físico da sua promessa a Abraão e seus descendentes para sempre.

· Esta cerimônia recordava aos israelitas que toda criança era membro do povo de Deus.

About these ads

3 comentários sobre “CULTURA E COSTUMES ORIENTAIS I

  1. ola , gostei muito dos seu texto , estou curioso e gostaria de saber qual fonte foi ultilizada para tais comentarios a respeito da cultura oriental !

  2. mt bom gostei mt das informações desse site!! precisava dessas informações pr uma prova e consegui tds essas informações q eu precisava aqui nesse site vlw

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s